sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

RANKING GOLEADORES PORTISTAS - Nº 226













ROMEU GIBIM - Goleador Nº 226

Concretizou 4 golos em 21 jogos oficiais com a camisola do FC Porto, durante a sua curta estadia de uma época e mais alguns meses da seguinte (1963/64 e 1964/65).

Romeu Gibim nasceu no dia 23 de Março de 1936, no Brasil.

Mais um atleta cujas informações são quase inexistentes, pelo que não me poderei alongar como desejaria.

Chegou ao FC Porto para fazer parte do plantel principal, orientado pelo húngaro Janos Kalmar. 

Era um avançado de fino recorte técnico, apanágio dos jogadores brasileiros que por cá apareciam.

























A sua estreia oficial, de azul e branco vestido, aconteceu no dia 22 de Setembro de 1963, no Campo Alfredo Aguiar, em Santarém, frente ao Leões de Santarém, que militava na 2ª Divisão Nacional, em jogo da 1º mão dos 32 avos-de-final, da Taça de Portugal. Vitória portista, por 7-0, com  Romeu a apontar o 4º golo portista, aos 34 minutos.

Não se pode dizer que tenha sido um jogador muito influente, tendo mesmo assim, participado em 19 dos 37 jogos do FC Porto, nas 3 competições que disputou.

A imagem que se segue, ilustra uma dessas titularidades, na temporada de 1963/64:

























Voltaria a marcar em 2 de Outubro de 1963, no Estádio Vicente Calderón, frente ao Atlético de Madrid, em jogo da 1ª mão da Taça das Cidades com Feira, jogo que terminou com a derrota portista, por 2-1.

Os dois golos restantes foram obtidos nas jornadas 11 e 13 do Campeonato Nacional, contra o Vitória de Guimarães e Lusitano de Évora,  em ambos os casos fora de portas.

Na temporada seguinte (1964/65), já com o brasileiro Otto Glória no comando técnico da equipa, Romeu foi apenas utilizado em dois jogos, tendo  posteriormente regressado ao Brasil.











Fontes: Almanaque do FC Porto, de Rui Miguel Tovar e ZeroaZero.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário