sexta-feira, 10 de agosto de 2012

TIRO DE PARTIDA PARA A NOVA ÉPOCA

Pela quarta época consecutiva, o FC Porto tem o privilégio de inaugurar a temporada futebolística portuguesa, apresentando-se uma vez mais como um dos principais candidatos à conquista dos vários títulos que vão começar a ser disputados. A prova de arranque da época é, como se sabe, a Supertaça Cândido de Oliveira, que põe frente a frente o Campeão nacional e o vencedor da Taça de Portugal, da época anterior.

O FC Porto ostenta um palmarés esmagador no historial desta prova, com 18 títulos em 33 edições, número superior ao conjunto de vitórias dos restantes vencedores juntos.  Os Dragões que conseguiram já um inédito TRI, neste troféu, podem dilatar esse recorde, se conseguirem triunfar, amanhã frente à Académica de Coimbra. O número de presenças dos azuis e brancos, nesta Taça é também esmagador: 27 presenças (falhou 6), perdendo apenas 9.

Como se sabe, Vítor Pereira não tem ao seu dispor todos os atletas do plantel. São ausências de peso os três brasileiros (Danilo, Alex Sandro e Hulk), que se encontram a disputar o Torneio Olímpico, cuja final se disputa também amanhã. Com estas limitações, o treinador portista escolheu os atletas que, em princípio, lhe garantem maior rendimento.

LISTA DOS CONVOCADOS

Tendo em conta estas escolhas e as formações iniciais dos jogos de preparação, na pré-temporada, parece-me óbvia a equipa provável para este encontro.

EQUIPA PROVÁVEL
COMPETIÇÃO: Supertaça Cândido de Oliveira
PALCO: Estádio Municipal de Aveiro
DATA E HORA DO JOGO: 11 de Agosto de 2012, às 20:45 h
ÁRBITRO: Olegário Benquerença - A.F. Leiria
TRANSMISSÃO: RTP 1

2 comentários:

  1. Chegou a hora do futebol a sério, agora não há mais tempo para ter tempo, experimentar, facilitar. Está em disputa um Troféu, a Supertaça Cândido de Oliveira e é preciso manter a tradição que, salvo raríssimas excepções, dá ao universo portista o primeiro motivo para festejar. Vamos em três Supertaças consecutivas, num total de dezoito conquistadas, temos tantas sozinhos, como todos os outros juntos. É verdade que ainda não estamos no ponto, as razões são conhecidas e já apontadas, mas ainda assim somos superiores, somos favoritos. Mas superioridade e favoritismo, não se apregoam, praticam-se e se não formos competentes, tivermos o espírito correcto, podemos ter dissabores. Aliás, basta ver quem é o nosso adversário, a Académica, quando se esperaria o Sporting, para estarmos conscientes que temos de estar a um nível alto para derrotar uma equipa boa, bem orientada e que não tem nada a perder. Jogamos em Aveiro, onde temos sido muito felizes e estaremos acompanhados por milhares de portistas, prontos para apoiar e ajudar a conquistar a Supertaça. Vamos a eles Porto, vamos começar a época com o pé direito, vamos começar desde já a ganhar suporte moral para uma temporada muito difícil e onde seremos, claramente, o alvo a abater.

    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Boa tarde,

    Mais logo oficialmente inicia-se a nova época com a disputa da Supertaça Cândido de Oliveira, um dos troféus em que o FC Porto tem mais títulos e que coincide com o 25 de Abril do futebol português.

    A imprensa fascista, centralista, de retrete e afiliados têm dado pouca importância a este troféu, mas isso é um factor de motivação extra para nós adeptos e para os jogadores caso vençam a valorosa Académica orientada pelo nosso Pedro Emanuel.

    A Académica reforçou-se bem.
    Apesar da saída de Diogo Valente, Adrien e Cédric, contratou um dos que irá ser uma das revelações do nosso campeonato, um miúdo de 19 anos chamado Salim Cissé.

    Reforçou-se igualmente com os experientes avançados Carlos Saleiro e Edinho.

    Manteve Peiser, Marinho, Hélder Cabral e João Real elementos experientes no plantel.

    Para o meio campo contratou um excelente cabeça de área, que foi pena não ter singrado no nosso futebol, trata-se de Bruno China.

    Ao FC Porto cabe o favoritismo que tem de confirmar em campo.

    Contamos com a magia de James e Atsu, com a classe de Lucho, e com Jackson Martinez que poderá hoje abrir o activo.

    O nosso elo mais fraco é nas defensivas direita e esquerda. Miguel Lopes não me convence, e entristece-me a dispensa de Sapunaru.

    Espero mais uma conquista, mas acima de tudo que seja um bom jogo de futebol, pois já sinto falta e que haja uma bonita festa no estádio.

    Abraço

    Bom fim de semana

    Paulo

    pronunciadodragao.blogspot.pt

    ResponderEliminar